Aerofatos Um blog diferente Quanto mais eu pesquiso... mais certeza tenho... de que não sei nada!

11 de jun de 2017

Ninguém conhece o Groo, mas todos conhecem o Conan


Se você chegou até esse texto é porque, de alguma forma se interessa por defesa ou aviação militar, certo? Pois bem. Com o passar do tempo, todos os aficionados por esses assuntos de alguma forma acabam escolhendo os seus "sites preferidos". Uns gostam de Cavokar, outros preferem algo mais "Poderoso" e tem aqueles com outros Planos para o Brasil... rs rs rs

Todos tem suas qualidades como também defeitos, mas o mais importante é que o conjunto de todos eles formam uma Web que permite ao interessado o acesso a uma informação que não esta no dia a dia da mídia comum. 

Todos tem o seu espaço garantido, mas nem todos os editores partilham dessa mesma opinião. Alguns ainda se prendem a uma competição de quem publica primeiro. Nessa competição "vale tudo". Vale esconder a fonte original da notícia, vale bloquear o botão direito no navegador e até censurar postagens em grupos de face... Enfim, tudo que puder dificultar a vida da "concorrência".

Concorrência? Sites concorrentes? Concorrem no que? No leitor ou no anunciante? Será que não percebem que quanto mais gente estiver falando de defesa pela rede, mais evidência esse assunto ganhará com o tempo? Mais aficionados por ele aparecerão?

Parece que essa disputa chega a contaminar o próprio leitor. Perdi as contas de quantas vezes alguém veio me depreciar no Facebook porque o meu bloguinho de zoeira era uma piada nos meios de defesa e que não poderia ser levado a sério... Cara, eu não vivo disso. Eu sou apenas um entusiasta.

O blog realmente é uma piada, mas eu posso escrever e criticar o que eu quiser. Aqui não tem uma propaganda de um anunciante que não vai gostar se eu falar mal de algum equipamento. Eu também não frequento a casa de nenhum oficial das FA que não vai gostar se eu publicar algo inconveniente...

Conseguem perceber que até mesmo um bloguinho fuleiro e mequetrefe como o meu consegue trazer alguma coisa a mais para essa blogosfera? Que ele pode, de alguma forma, contribuir para discussão de alguns assuntos?

Nessa hora eu me lembro do Groo e do Conan. Você provavelmente não conhece "Groo, o errante" um personagem em quadrinhos do Sergio Aragonés criado nos anos 80/90. Ele era uma sátira ao "Conan, o bárbaro", uma famosa história em quadrinhos que até virou filme.

Enquanto Conan é bonito, famoso por seus feitos e chega na vida a ser rei. Groo é um desastrado, trapalhão, que apesar de bravo e corajoso, não chega a lugar nenhum. O antagonismo entre Groo e Conan é retratado na edição número cinco, quando Groo encontra o personagem Arcádio, o herói.

Nessa história, Arcádio parte em busca do cálice sagrado, junto com um trovador que canta os seus feitos e Groo que o segue apenas como um lacaio. No percurso surge uma série de perigos que são enfrentados SOZINHOS por Groo, mas é Arcádio que sempre leva a fama de herói graças ao trovador que sempre atribui a ele a vitória.

No final, de tanto o trovador cantar, Groo acaba se convencendo de que Arcádio é realmente um herói. e ele não é nada. Moral: A HISTÓRIA É FEITA PELOS VENCEDORES E CONTADA POR AQUELES COM VOZ MAIS ALTA.

Por gentileza, não seja um trovador!

________________________________________________________________
Para aqueles que se interessaram pelo Groo, eis uma degustação: clique aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...