Pesquise no Site

FAdeA: Agora vai?


Na última segunda dia 08/Maio o Presidente argentino Mauricio Macri se reuniu em Buenos Aires com seu homólogo italiano,Sergio Mattarella para assinar vários acordos bilaterais no valor de mais de US$ 100 milhões. Esses acordos são resultados de um memorando de entendimento assinado na Itália em setembro do ano passado. 

Entre os negociações contempladas, a italiana Leonardo deverá investir mais de 20 milhões de dólares na Fábrica Argentina de Aviones (FAdeA), entre a infra-estrutura e know-how para fabricação peças de aeronaves para os mercados civil e militar.

Se efetivado, deverá dar folego para a FAdeA que passou mais de uma década em crise que quase levou ao seu fechamento. O fim do perrengue começou em dezembro de 2015, com a chegada de um novo gestor da era Macri, que pôs ordem na casa e conseguiu para reduzir em 92,3% o seu déficit.

Em dezembro passado uma delegação da Leonardo visitou Buenos Aires para apresentar o seu avião de transporte táctico C-27J Spartan a representantes das Forças Armadas e do governo argentino.

A FAdeA atualmente fabrica a IA-63 Pampa e o Piper PA-25 sob licença, além fornecer serviços de manutenção para a Força Aérea e Aviação Naval da Argentina.

Com informações da Janes e Infodefensa
Foto: @DefensaNac - IA-63 Pampa II na IV Brig Aer
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...