Conheça drones que podem ser controlados por smartphones


Os drones são cada vez mais comuns no mundo. Eles foram projetados, inicialmente, para “missões” sérias, tais como pesquisa e defesa de fronteiras. Porém, eles estão despertando a atenção do público comum dado o grande potencial deles para a diversão e o entretenimento. 

Visando esse tipo de público é que muitos fabricantes estão desenvolvendo drones que podem ser controlados via smartphone. O TechTudo pesquisou e fez uma lista dos melhores drones com essa característica. Vamos dar uma olhada.


Drone e Oculus Rift, uma combinação perfeita

A empresa norte-americana Parrot anunciou um novo drone, chamado de Bebop, que pode ser controlado por smartphone e ainda tem compatibilidade com o Oculus Rift. O aplicativo, que está disponível para Android e iOS, permite que o usuário controle o Bebop por 12 minutos, que é o tempo de autonomia da bateria.

Além do smartphone, o Bebop pode ser controlado por um joystick especial, que se anexa ao tablet. Ele é chamado de Skycontroller e adiciona novas funções ao drone. Por exemplo, mexendo a cabeça você move também a câmera do drone, que é uma lente tipo olho de peixe de 14 megapixels. Além disso, o alcance do controle chega a 2 Km, que é a distância que seu drone poderá alcançar sem perder o contato com o controle.

Ele pode ser encontrado nos Estados Unidos por valores entre US$ 300 (cerca de R$ 900) e US$ 1000 (aproximadamente R$ 3000). Infelizmente, ele não é vendido no Brasil.


Cheerson CX-30W

O Cheerson CX-30W é um modelo popular de drone, que se enquadra mais na categoria de brinquedos. Porém, ele tem as mesmas características de um drone tradicional e ainda pode ser controlado pelo seu smartphone, seja ele Android ou iOS.

Ele é feito em plástico e possui quatro hélices nas extremidades. O seu tempo de voo é bem curto, apenas 8 minutos. E ele leva cerca de uma hora para recarregar por completo as suas baterias. A câmera possui 2 MP e filma em HD. Ele pode alcançar até 30 metros de distância.

O Cheerson CX-0W pode ser encontrado em várias lojas online de varejo por cerca de R$ 240, fora o frete. Além disso, você pode comprar, separadamente, as hélices deste drone baratinho.


Zano, o drone para selfies

Sim, existe um drone para selfies. É o Zano, que foi financiado pelo Kickstarter. Ele é bem compacto, cabe na palma da sua mão e pesa apenas 55 gramas. Sua câmera é de 5 MP, melhor do que muita câmera frontal por aí. Além disso, ele pode filmar em HD e enviar as imagens em tempo real para seu smartphone.

Outra curiosidade desse drone é que ele possui GPS e sensores de infravermelho para identificar obstáculos no caminho. Para desviar deles são usados sensores de pressão de ar. Esses sensores também são usados para estabilizar o drone na hora de tirar a foto, para que elas não saiam tremidas.

A sua autonomia é de 15 minutos e o seu preço final gira em torno de R$ 560, sem impostos. Eles também enviam para o Brasil, mas é preciso pagar uma taxa de mais ou menos R$ 40. Seria o fim do pau de selfie?


Parrot Minidrone Spider

A Parrot ainda tem um outro modelo de drone que também pode ser controlado por smartphone. A novidade aqui é que além de Android e iOS ele também é compatível com aparelhos rodando Windows Phone. Ele também cabe na palma da mão e pesa apenas 55 gramas. Conta ainda com giroscópio e acelerômetro.

A sua câmera é localizada na parte inferior, o que permite tirar fotos aéreas muito melhores. Ele se conecta ao smartphone através da conexão Bluetooth e tem uma autonomia de 8 minutos. O seu alcance é de apenas 20 metros. Ele pode ser encontrados nos principais varejistas por cerca de US$ 80, o que equivale a R$ 240, excluindo frete e impostos.


Drone em formato de pássaro e controlado por smartphone

O BionicBird é um curioso drone que tem formato de pássaro e também é controlado por smartphone. Ele foi financiado por um projeto no Indiegogo, que em pouco tempo atingiu a meta almejada.

Ele pesa apenas 10 gramas e, ao invés de hélices, ele tem asas. Em voo, ele se assemelha demais a um pássaro, confundindo inclusive predadores, como gatos e aves de rapina. Ele tem um alcance de até 100 metros e a sua bateria aguenta cerca de 10 minutos de voo. Outro ponto interessante é que o carregador dele é em forma de ovo. Assim, basta conectá-lo ao ovo para recarregá-lo. 12 minutos são suficientes para encher a bateria.

A versão mais barata do Bionic Bird custa US$ 100 (cerca de R$ 300) e eles enviam para o Brasil. Para isso, é preciso pagar mais US$ 20 (cerca de R$ 60). E então, de qual drone controlado por smartphone você mais gostou?