Pesquise no Site

Como sequestrar um avião com uma lata de Coca-cola?


United Airlines recusa dar lata de Coca-Cola fechada a muçulmana durante o voo

Uma mulher muçulmana acusa a United Airlines de islamofobia por lhe ter sido recusada uma lata de Coca-Cola fechada no avião. O argumento usado foi que poderia servir de arma.

O episódio que se passou com Tahera Ahmad num voo da United Airlines, entre Chicago e Washington, no final da semana, está a tornar-se viral nas redes sociais, por estar a ser interpretado como um ato de islamofobia. 

Esta muçulmana relata que pediu uma lata de Coca-Cola fechada, por razões de higiene, e que a assistente de bordo recusou satisfazer-lhe o pedido, ao contrário do que aconteceu com o passageiro do lado.

Numa publicação no seu perfil de Facebook, que já teve mais de 7.300 partilhas, Tahera Ahmad denuncia que foi alvo de discriminação e descreveu o momento, contando que depois de a assistente de bordo lhe ter recusado a lata fechada, deu uma lata de cerveja fechada ao passageiro do lado.

E quando Tahera Ahmad questionou a dualidade de critérios, a assistente de bordo terá respondido que não estava “autorizada a dar latas fechadas às pessoas porque elas podem usá-las como uma arma no avião”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...