As aventuras do Ex-governador do Amazonas pelo Caribe


MP apura se Omar usou avião alugado ao governo para viagens a paraísos no Caribe

Inquérito foi instaurado na 78ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção do Patrimônio Público.

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) instaurou Inquérito Civil para apurar “eventual ocorrência de atos de improbidade administrativa, com dano ao erário, consistentes em utilização indevida de aeronave locada ao Governo  do Estado do Amazonas, pela família do ex-governador Omar Aziz” à ilha de Saint Martin, no Caribe, a cerca de 3 mil quilômetros a norte de Manaus.  O Inquérito Civil foi instaurado pela 78ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção do Patrimônio Público, sob o comando do promotor de Justiça Ronaldo Andrade.

A decisão do MP-AM foi tomada considerando notícia originada de remessa de cópia à Procuradoria-Geral de Jus¬tiça, pelo Tribunal Regional eleitoral do Amazonas (TER-AM), de cópia do Processo n° 2095.95.6.04.0000 em que foi citada a utilização da aeronave, que estava alugada ao governo estadual, pelo então governador, para deslocamento à ilha caribenha, o que configuraria indício de improbidade administrativa.

De acordo com a denúncia, o avião de luxo, de uso exclusivo do governador em viagens oficiais, foi usado pelo menos quatro vezes, na gestão do ex-governador Omar Aziz, para viagens às Antilhas caribenhas, conhecidas como paraíso de hotéis de luxo e cassinos. 

Planilhas de voos da aeronave Citation Excell, prefixo PP-MDB, da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuári (Infraero) mostraram que o avião se deslocou do aeroporto de Manaus para as ilhas de San Martin e Aruba nos anos de 2011, 2012 e 2013. 

A viagem da aeronave para o Réveillon de 2013 coincide com uma viagem da então primeira-dama do Estado, Nejmi Aziz, ao Caribe. Na ocasião, ela postou na rede social Instagram uma fotografia dela no Atlantis Royal Towers, nas Bahamas. O avião alugado pelo governo do Amazonas, um Citation Excell, prefixo PP-MDB, é de propriedade da empresa Rico Linhas Aéreas.


Planilhas de voos da aeronave fornecidas pela Infraero mostram um voo que saiu no dia 27/12/2013 do Aeroporto do Município de Coari , no Amazonas, às 12h21 e chega às 6h51 no Aeroporto da Ilha de San Matin. A aeronave volta ao Aeroporto de Manaus na madrugada  do dia 29/12/2013 e novamente parte do aeroporto de Manaus para San Martin, onde chega às 07h37. 

De lá, o avião volta no dia 04/01/2014, às 00h15. No ano de 2012, o avião chega ao aeroporto Eduardo Gomes, dia 18/08, às 15h47, vindo de San Martin. Não há registro na planilha da Infraero da partida do avião para a ilha caribenha.

Ainda em 2012, durante a Semana Santa, o avião do governo esteve em San Martin novamente. O registro da saída de Manaus data do dia 4 de abril e o retorno no dia 9 do mesmo mês. Naquele ano a Semana Santa começou no dia 5 (quinta-feira) e terminou no dia 8 (Domingo de Páscoa). 

Em 2011, o avião  foi usado para uma viagem a Aruba, com partida de Manaus no dia 3 de setembro, véspera do feriadão da Semana da Pátria. A aeronave só retornou  no dia 10 de setembro, às 16h25.

Na internet, em busca no Google, é possível acessar fotografias do avião PP-MDB pousando no aeroporto de Sain Martin, em 28 de dezembro de 2013. Também é possível acessar imagens do mesmo avião no aeroporto de Aruba, em abril de 2011.
Defesa de Omar

O D24 tentou contato com o senador Omar Aziz, nesta segunda-feira (18), via assessoria de comunicação do parlamentar. A assessoria de comunicação de Aziz informou que não tinha como encontrá-lo ou entrar em contato com o senador para se pronunciar a respeito do inquérito instaurado pelo MP-AM.

A advogada de Aziz, Maria Benigno, informou  que, no período das viagens ao Caribe, a aeronave não estava mais locada ao governo do Estado. Ela disse que o avião foi locado por um ente privado,  mas não soube informar o nome do locatario.

Paraísos

Saint Martin é considerada como sendo um pouco de Europa e muito de Caribe. A ilha dividida entre Sint Maarten ao sul (de domínio holandês) e Saint Martin ao norte (de possessão francesa), tem praias de um azul indescritível, paradisíacas no mais fiel sentido da palavra. 

É famosa também por sua  música animada, gastronomia de primeira e pela pluralidade cultural, que faz do local uma ilha da fantasia. Dos tempos dos corsários restou a vocação ao livre comércio, que garante ao destino a fama de paraíso das compras. Afinal, a ilha toda é duty-free. 

E se você esqueceu o cartão de crédito em casa, não se preocupe: o lado  holandês da ilha tem uma dezena de cassinos para tentar a sorte.

Aruba é  o destino caribenho mais acessível para muitos que saem da América do Sul. Tem  vida noturna de primeira. O turista encontra um paraíso tropical perfeito: calor, praias de água cristalina, música latina e cassinos. Lá é possível fazer safáris com jipes, passeios em veleiros e esportes náuticos como mergulho, pesca e visitas à cavernas subterrâneas. 

Em sua capital, Oranjestad, percebe-se a colonização holandesa através da arquitetura de edifícios coloridos, além de alguns tradicionais moinhos de vento. A diversão em Aruba acontece em torno dos points de mergulho e belas praias, ótimas para a prática de esportes aquáticos, como windsurfe, kite, canoagem e snorkeling. 

Os passeios  são ótimas pedidas durante o dia, já que, à noite, os turistas ficam divididos entre os cassinos e baladas.