Como caçar jacaré de helicóptero? Comece pousando no pântano.


Helicóptero faz pouso forçado em área pantanosa do Bosque da Barra

Ninguém ficou ferido. Estima-se que quatro mil jacarés vivam em área de lagoas na Zona Oeste

Rio - Um helicóptero usado para instrução aérea precisou fazer um pouso forçado dentro de um pântano do Bosque da Barra, na Avenida das Américas, oo bairro da Zona Oeste do Rio, na manhã desta terça-feira. Bombeiros do 1º Grupamento de Busca e Salvamento (GBS) da Barra da Tijuca foram ao local prestar o socorro às vítimas, porém, os dois tripulantes, identificados como João Ricardo P., de 28 anos, e Gustavo R., de 33 anos, dispensaram atendimento médico.

A região onde o pouso foi realizado é conhecida por abrigar jacarés. Com aparições cada vez mais frequentes nas áreas urbanas, os animais já fazem parte do cenário das lagoas do Recreio dos Bandeirantes, da Barra da Tijuca e de Jacarepaguá. 

A maioria dos moradores da região não imagina, mas os vizinhos répteis no Complexo Lagunar da Zona Oeste são cerca de 4 mil. A estimativa foi feita pelo Instituto Jacaré, que realiza pesquisas e trabalha em prol da preservação desses animais.

O Dia

Em tempo: Segundo o site EM, o Grupo de Salvamento teve que ajudar os tripulantes a sair da aeronave por estarem cercados por jacarés da espécie "papo amarelo" que chegam a atingir 2 metros.