Pesquise no Site

Drone contra a dengue


As ações de combate à dengue em Santos ganharam novo impulso na sexta-feira (30): um drone para a captação de imagens aéreas de imóveis cuja inspeção não é possível ser realizada nas visitas casa a casa ou nos mutirões.

O equipamento identifica criadouros em potencial do mosquito Aedes aegypti em terrenos com a frente murada, imóveis abandonados ou sem moradores, por exemplo. Sob a supervisão de profissionais das secretarias municipais de Saúde e Comunicação e Resultados, o equipamento será usado restritamente em locais onde não é permitida qualquer visualização aos agentes de controle de vetor.

Se o drone localizar criadouros em potencial, o proprietário será identificado e intimado a realizar as adequações necessárias para que o risco de reprodução do mosquito no imóvel seja eliminado.

O primeiro voo do drone identificou criadouros em potencial na laje de um imóvel desocupado na Avenida São Francisco, no Paquetá. Em formato de viga invertida, o telhado favorece o acúmulo de água, além de conter galões de tinta abertos, que servem de recipiente para a água das chuvas. Também foram constatados buracos no telhado que permitem a entrada de água no interior do imóvel.

A Seção de Controle de Vetores, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), é a responsável pela indicação dos locais que deverão ser sobrevoados pelo equipamento.

“O drone nos auxiliará bastante. As imagens captadas são muito importantes para que possamos intimar os proprietários a tomar providências e eliminar os criadouros em potencial de seus imóveis. É mais uma instrumento para prevenirmos a transmissão da dengue em nossa Cidade”, afirma Ana Paula Valeiras, coordenadora de Vigilância em Saúde II da SMS.

Denúncias podem ser feitas pelo Disque Dengue: 3225-8680 ou 0800-7706869.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...