Pesquise no Site

Caças americanos bombardeiam posições do Isil no Iraque

Click para acessar o Youtube
Caças Americanos bombardearam na manhã desta sexta-feira, 8, posições do Estado Islâmico no Iraque e no Levante (Isil, na sigla em inglês) nas proximidades de Irbil, capital da região autônoma curda no nordeste do Iraque. O ataque foi realizado por dois F-18 que decolaram do porta-aviões George Bush.

De acordo com o Centro de Mídia estatal iraquiano, citado pela rede americana CNN, 45 insurgentes do Isil foram mortos e 60 ficaram feridos. Segundo nota do Pentágono, os jihadistas avançavam contra forças curdas que defendem Irbil, onde há um consulado americano e onde estão dezenas de assessores militares dos EUA.

Click para acessar o Youtube
Esse é a primeira ação militar americana no Iraque desde que o presidente Barack Obama declarou o fim oficial da guerra no país, em 2011. Os ataques foram autorizados na noite de quinta-feira pelo presidente, que também deu sinal verde para entrega de ajuda humanitária a milhares de integrantes de minorias religiosas que estão isolados pelo Isil em montanhas da região curda.

O bombardeio representa uma mudança significativa na posição de Obama, que até ontem condicionava a intervenção militar no Iraque a reformas políticas que aumentassem a representatividade do governo, comandado pelo primeiro-ministro xiita Nuri Maliki. O presidente foi forçado a agir em razão do rápido avanço do Isil em território curdo desde sábado, em um movimento que provocou o êxodo de milhares de pessoas que temem ser mortas pelos jihadistas.

"A campanha de terror do Isil contra inocentes, incluindo minorias yazidi e cristãs, e seus atos grotescos e seletivos de violência trazem todas as marcas e sinais de alerta de genocídio", declarou o secretário de Estado americano, John Kerry. Os yazidis são considerados apóstatas pelo Isil e há relatos de assassinato de centenas de homens seguidores da religião.

Os integrantes do Isil são radicais islâmicos sunitas e travam uma guerra sectária com a maioria xiita do Iraque. Seu objetivo é criar um califado que ocupe parte do território da Síria e do Iraque. 

Estadão

Nota: Vídeos da operação podem ser vistos no canal da US NAVY no Youtube
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...