Pesquise no Site

Agora foi a vez da China

Foto ilustrativa de um Y-8 Chines
Um avião chinês de vigilância invadiu duas vezes a zona de identificação de defesa aérea (ZIDA) de Taiwan e foi interceptado e escoltado por dois aviões de combate da ilha nas duas ocasiões, revelou hoje um alto quadro da Força Aérea da ilha.

O avião chinês, um Y-8 de reconhecimento eletrônico, foi detetado no extremo sudoeste da ZIDA na segunda-feira às 08:33 locais (01:33 em Lisboa) e às 14:31 locais (97:31 em Lisboa), a 22.000 pés de altura, explicou, em conferência de imprensa, Hsiung Hou-chi, chefe do comando da Força Aérea.


As autoridades de Taiwan fizeram descolar dois aviões militares Mirage 2000 e caças IDF em cada uma das ocasiões, tendo os aparelhos interceptado e escoltado o avião chinês.

Foto ilustrativa de caças IDF de Taiwan
Apesar da aproximação entre os dois lados do Estreito de Taiwan a partir de 2008 com o regresso do Kuomintang ao poder na ilha, a China e Taiwan continuam a discordar do estatuto da ilha que Pequim considera parte do seu território e ameaça usar a força caso as autoridades se declarem independentes, apesar de, de facto, funcionarem como tal.


Em tempo: Semana passada caças chineses interceptaram um avião de vigilância americano em águas internacionais clique aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...