Pesquise no Site

Será?


A Russian Aircraft Corporation (RAC) está projetando um caça leve de quinta geração. A execução desse programa terá como base o caça MiG-35, no qual serão testados novos aviônicos e armamentos.

“A produção de um caça leve de quinta geração é uma das ideias, uma das áreas nas quais o nosso escritório está trabalhando. Creio que, em breve, estaremos engajados mais seriamente no desenvolvimento desse projeto”, adiantou o diretor-geral da RAC, Serguêi Korotkov.

O peso máximo de decolagem do MiG-35 é quase cinco toneladas menor do que o do PAK-FA. Por isso, acredita-se que o novo caça leve será mais efetivo em uma série de tarefas previstas.

“O MiG-35 é a plataforma ideal para o desenvolvimento de um novo caça de quinta geração”, acrescentou Korotkov.

Korotkov não especificou em que estágio está o programa, mas afirmou que “muito provavelmente” logo surgirá um novo avião. “O mais importante é que já recebemos uma decisão positiva em favor do projeto”, disse.

Até lá, a RAC espera que o Ministério da Defesa russo assine um contrato para o fornecimento de MiG-35 para as Forças Aéreas do país. Toda a documentação relevante para o fornecimento de um número não declarado de aeronaves já está pronta e o diretor espera que o contrato seja celebrado “ainda este ano”.

As perspectivas de exportação do MiG-35 também são grandes. A mídia especializada tem anunciado que o Egito manifestou a intenção de adquirir 24 aeronaves equipadas com motores RD-33MK, desenvolvidos pela JDC Klimov.

O diretor refutou ainda a afirmação de que os estudos para um caça leve de quinta geração iria criar um conflito entre a RAC e a Suhkôi, que atualmente está desenvolvendo um caça pesado de quinta geração – o PAK-FA. 

“São duas aeronaves completamente distintas, concebidas para missões diferentes”, arrematou Korotkov.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...