Pesquise no Site

Alitalia vai demitir mais de dois mil funcionários


O presidente-executivo da companhia aérea italiana Alitalia, Gabriele Del Torchio, afirmou que o acordo com a Etihad prevê "2 mil, a 2,2 mil demissões, nas quais teremos que encontrar formas de proteção interna". Segundo ele, "infelizmente, essas pessoas devem sair, pois estão em jogo os outros 11 mil postos de trabalho".   

Em uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira (09), Del Torchio ressaltou que a união com a empresa árabe continuará tendo maioria acionária na Europa. "A aliança com a Etihad é um projeto que verá a manutenção da maioria das ações na Itália, ou melhor, na Europa porque temos a Air France como sócios", disse o presidente-executivo. Ele ainda ressaltou que "queremos nos aliar com eles porque é a única maneira de renascermos".  

O presidente ainda ressaltou que esse processo está sendo "doloroso". "Há a absoluta necessidade para a Alitalia e para outras companhias de atravessar esse processo longo, doloroso e difícil para se reestruturar. A reestruturação é difícil e complexa e não existem outras possibilidades para sair disso.   

Precisamos nos tornar mais eficientes nas operações e reforçar nossa presença intercontinental", declarou Del Torchio.   

Del Torchio afirmou que conversa com a Etihad sobre um "investimento de 560 milhões de euros, que tem como objetivo reforçar a companhia". E que dentro de "algumas semanas" o acordo será concluído. A complicada negociação com a Etihad vem desde o final do ano passado e negocia um grande aporte da companhia árabe. Com o dinheiro, a Alitalia quer voltar a ser forte no mercado europeu.

ANSA via UOL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...