Comitiva brasileira visitará fabricante de caças na Suécia


O secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), Alvaro Prata, acompanha o ministro da Defesa, Celso Amorim, em viagem oficial à Suécia nesta quinta (3) e sexta-feira (4).

A comitiva brasileira se encontra com dirigentes do país nórdico e visita a fábrica da Saab, companhia responsável pelo desenvolvimento dos aviões de combate Gripen NG, futuro caça da Força Aérea Brasileira (FAB).

Em Estocolmo, a delegação tem encontros marcados com a ministra sueca da Defesa, Karin Enström, que esteve no MCTI em novembro de 2011; o primeiro-ministro do país, Fredrik Reinfeldt; e a rainha Silvia da Suécia.

No segundo dia, o grupo parte para a cidade de Linköping, onde conhece as instalações da Saab e simuladores de voo do Gripen NG, além de se reunir com o presidente da companhia, Håkan Buskhe, que participou, em fevereiro, do primeiro encontro com o governo federal a respeito do processo de transferência de tecnologia para empresas e instituições brasileiras.

Também devem integrar a comitiva o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, José Elito Siqueira, o comandante da FAB, Juniti Saito, a secretária de Desenvolvimento da Produção do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Heloisa Menezes, e o presidente da Embraer Defesa e Segurança, Jackson Schneider.


Em tempo: Se o escolhido fosse o Rafale, essas comitivas seriam bem maiores. Afinal, viajar para França é bem mais atraente, não é senhores políticos?