Pesquise no Site

AL: 1 milhão para manter Helicópteros


O governo de Alagoas prorrogou, por um ano, o contrato de manutenção de aeronaves locadas pelo Estado. O custo total será superior a R$ 1 milhão. Há três semanas o governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) utilizou um helicóptero para se deslocar de um bairro a outro de Maceió numa distância de apenas 19 quilômetros

A Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds) acaba de prorrogar o contrato com a empresa Helicópteros do Brasil S.A. (Helibras) para a prestação de serviço de manutenção preventiva e corretivas das aeronaves locadas pelo Estado. Com um reajuste de 5,6%, o contrato mensal salta de R$ 79,8 mil para R$ 84,2 mil. 

Isso totaliza uma despesa superior a R$ 1 milhão por ano só para cuidar dos helicópteros usados pelo governo, que, muitas vezes, servem apenas para driblar o trânsito caótico da capital, como alegou há poucos dias a Secretaria Estadual de Comunicação (Secom) ao ser questionada sobre o uso excessivo de voos pelo governador.

O contrato prorrogado vale até 22 de abril do próximo ano e ainda prevê um custo de mão de obra no valor de R$ 359 por hora. O reajuste com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (INPC) ampliou as despesas em um total de R$ 53 mil. O aditivo foi assinado no dia 16 de abril. A negociação com a empresa ocorre com dispensa de licitação.

ALUGUEL CARO

Esses gastos exorbitantes para manter o uso de aeronaves pela estrutura do governo somam-se às imensas despesas de locação de helicópteros e jatinhos. Nos últimos quatro anos, o Estado bancou mais de R$ 20 milhões em horas de voo. As despesas estão no Portal da Transparência Ruth Cardoso.

Há três semanas o governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) utiliza as aeronaves até mesmo para se deslocar dentro de Maceió, quando saiu de um evento no Centro da cidade para o Benedito Bentes, na parte alta, uma distância de apenas 19 quilômetros.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...