Pesquise no Site

Esta aeronave poderia encontrar o avião da Malaysia?


Este é o StratoBus, uma mistura de drone com satélite de observação. Ele está sendo desenvolvido por empresas francesas e deve ser a próxima tecnologia de vigilância (seja militar ou de outro tipo). O StratoBus deve voar a uma altitude de 20 quilômetros. Isso significa ficar nas primeiras camadas da estratosfera, já acima do campo de tráfego de aviões e jatos.

O corpo da aeronave será feito usando fibra de carbono, o que fará com que seu peso seja reduzido em comparação ao uso de outros materiais. De acordo com o projeto, ela terá de 70 a 100 metros de comprimento e um diâmetro entre 20 e 30 metros e será capaz de levar cargas de até 200 quilos.

O desenvolvedor principal do projeto é a empresa Thales Alenia Space. De acordo com eles, na altitude planejada, o StartoBus será capaz de realizar vigilância de fronteiras, observações em continentes e oceanos (como a busca por navios piratas). Por estar mais próximo da Terra do que satélites, ele será de capaz de captar imagens com melhor resolução e mais zoom. Uma tecnologia deste tipo poderia ser usada em buscas de acidentes de avião, como o Boeing 777 da Malaysia Airlines.


Ele será capaz de realizar missões de longa duração de voo, chegando a até um ano na estratosfera. Devido à proximidade, será possível utilizar o StratoBus para sistemas de comunicação, se necessário.

Além da construção em fibra de carbono, a aeronave será revestida com uma camada de painéis solares. Eles poderão rotar pelo drone-satélite para melhorar a captação da energia solar.

O desenvolvimento, além da Thales, conta com outras empresas: Airbus Defence and Space, Zodiac Marine e CEA-Liten. De acordo com projeções, o primeiro protótipo estará pronto dentro de cinco anos.

Exame
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...