Helicóptero transporta gerador de 4 toneladas em Santos

Click para acessar o Youtube
O helicóptero de carga contratado pela Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) transportou, na manhã desta sexta-feira, um gerador de energia de quatro toneladas para o reservatório da empresa no Saboó, em Santos. A operação total durou 14 minutos e o equipamento transportado será utilizado para melhoria do sistema de abastecimento de água que atende aos morros santistas.

A primeira tentativa de içamento da peça terminou com a aeronave de procedência russa alvejada no momento em que sobrevoava o Morro da Penha, no último dia 19. Ninguém ficou ferido com o disparo. Os dois tripulantes (piloto e copiloto) faziam um voo de reconhecimento para levar o gerador até o topo do elevado.

Por volta das 6h55, o modelo Kamov Ka-32 (de procedência russa e certificado pela ANAC para operação no Brasil) chegou à Base Aérea escoltado pelo helicóptero Pelicano, da Polícia Civil. Cinco minutos depois, já com a peça, atravessou o Morro da Penha e deixou a peça no reservatório da Sabesp, às 7h09.



Pelo menos 12 agentes da Polícia Civil fizeram o reforço da segurança nos morros do Saboó e da Penha, além do helicóptero da Polícia que sobrevoava o local. No reservatório, cinco atiradores de elite também estavam à disposição. Também houve apoio da Polícia Militar.


Não faltará água

Para evitar a falta d'água, o gerador de energia de quatro toneladas vai reforçar a distribuição de água nos morros do Saboó, São Bento, Bufo, Fontana, Penha, Boa Vista, Santa Maria, Pantanal II, Pacheco, Nova Cintra e Vila Progresso.

A Sabesp está investindo um total de R$ 175 mil (R$ 65 mil entre locação e transporte licitado e contratado com a empresa Helicargo e R$ 110 mil para adquirir o próprio gerador) buscando reforço da distribuição de água ainda neste mês de fevereiro.

Durante estes trabalhos, a companhia afirma que não haverá qualquer interferência ao abastecimento das cerca de 8.400 residências que serão beneficiadas.